Últimas Notícias

domingo, 4 de dezembro de 2016

Pplware Classics…

Porque recordar é sempre bom, o Pplware traz aos seus leitores a sua habitual rubrica semanal de música. Apresentamos nesta rubrica as músicas que marcaram a nossa juventude ou o nosso passado recente e...

by Pedro Simões via Pplware http://ift.tt/2gCOLgO https://pplware.sapo.pt
Read more ...

Sceelix lança demo WebGL do seu motor procedimental


A Sceelix é uma startup nacional que desenvolve um motor procedimental capaz de gerar cidades inteiras num só clique (e muito mais) mas agora coloca a sua tecnologia ao alcance de todos com uma demo em WebGL que corre no browser e nos permite criar uma cidade ao nosso gosto.

Nem sempre é fácil explicar o que é um motor procedimental, pelo que um processo de demonstração interactivo se torna mais eficaz. Nesta demo WebGL da Sceelix qualquer pessoa pode brincar com alguns dos parâmetros de construção de uma cidade, como as dimensões pretendidas, altura mínima e máxima, nível de variação que pretende nas formas geométricas, etc. e ver os resultados reflectidos de forma imediata e interactiva no seu browser - e tudo a correr em tempo real e de forma fluida, mesmo quando se puxam as dimensões para o máximo, como na imagem acima.

É certo que isto mostra apenas uma vertente das potencialidades do motor procedimental deles, que também pode ser aplicada a muitas outras coisas, como texturas, e até som; mas há que reconhecer que esta componente é uma das que será visualmente mais espectaculares e por isso se percebe o seu destaque. É uma ferramenta que não só pode ser utilizada para jogos, não só para criar níveis de jogos como até criar níveis infinitamente diferentes de cada vez que se joga; como também para áreas como as da visualização para projectos de arquitectura ou publicidade.

Aliás... a Sceelix já revela um pouco a ponta do véu sobre um novo projecto que espera poder mostrar em breve, com algumas imagens que poderão ser estranhamente familiares para quem percorre diariamente as ruas do Porto. :)



... Só fica a faltar a geração de texturas procedimentais "à Porto"! :)

by Carlos Martins via Aberto até de Madrugada
Read more ...

Dica Windows 10: Afinal onde gasta tanta Internet?

Para quem tem planos de Internet limitados ou até cartões com plafond de dados reduzido, que usa por exemplo num hotspot, é muito importante que controle sempre quanto gasta no geral e saber até...

by Pedro Pinto via Pplware http://ift.tt/2h1UvOb https://pplware.sapo.pt
Read more ...

Finanças: Não vá para a fila, marque através de telefone

Ir a uma Repartição de Finanças é normalmente sinónimo de ter de esperar um período indeterminado de tempo. É verdade que hoje em dia há já muitas questões que podem ser tratadas pela via...

by Pedro Pinto via Pplware http://ift.tt/2g7GOQ3 https://pplware.sapo.pt
Read more ...

Activation Lock do iOS 10 pode ser ultrapassado com facilidade


O Activation Lock nos iPhones é o sistema que evita que os mesmos possam ser utilizados caso sejam roubados, exigindo a password do utilizador legítimo mesmo no caso de se tentar fazer um reset total; infelizmente, há uma falha fácil de explorar que permite ultrapassar esse bloqueio.

Normalmente, o processo de tentar ultrapassar o Activation Lock implicava utilizar servidores alterados (embora também já no passado existissem alguns bugs relacionados com o assunto), mas agora temos uma daquelas falhas de nível tão básico que nos fazem pensar que tipo de controlo de qualidade a Apple estará a aplicar - ou não aplicar - ao seu iOS.

É que para ultrapassar o activation lock num dispositivo iOS bastará introduzir alguns milhares de caracteres no nome da rede WiFi e password (o activation lock precisa de acesso à internet e deixa ligar a novas redes WiFi) até ao mesmo deixar de responder. Nesse momento, basta utilizar uma capa magnética para colocar o mesmo em suspensão, e passados poucos segundos, ao abrir a capa, temos o dispositivo desbloqueado!

No iOS 10.1 isto era de funcionamento directo, no 10.1.1 a Apple tentou tapar o buraco, mas continua a ser possível efectuá-lo... rodando o dispositivo.

É assustador que na 10ª geração de um sistema operativo, continuem a existir campos de entrada de dados que não tenham validação (uma das coisas mais fundamentais e "básicas") e, pior ainda, que permitam ultrapassar sistemas de segurança!



by Carlos Martins via Aberto até de Madrugada
Read more ...

Bicicleta eléctrica articulada feita em Portugal

No outro dia falávamos de uma bicicleta eléctrica dobrável e um dos nossos leitores fez questão, e bem, de referir que também por cá temos coisas idênticas e a preço bastante mais simpático, como é o caso de uma bicicleta eléctrica da nossa bem conhecida Órbita.

A Órbita é uma marca de bicicletas que certamente fará surgir boas memórias de infância e adolescência em grande parte dos portugueses, e que mesmo pecando por não ter um site onde se possa ver facilmente a sua gama de bicicletas (manda-nos descarregar um PDF) tem lá pelo meio uma tal de E_Orbita Evolution.

Esta bicicleta pode não ser tão compacta quanto a outra que tínhamos referido, mas tem um quadro articulado que já permitirá "compactá-l" para mais fácil transporte na mala de um carro ou para simples arrumação num apartamento onde o espaço não abunde. Pesa 20kg, tem um motor de 36V e 250W no eixo dianteiro, enquanto que a bateria (de 36V e 10A) fica na parte traseira. Infelizmente não são avançados mais detalhes quanto à autonomia que se poderá esperar dela, tempo de carregamento, nem se termos acesso a coisas como travagem regenerativa para ir recarregando a bateria enquanto se circula.

Mas por outro lado... estamos a falar de uma bicicleta que tem um preço de 979 euros. Para aqueles que não necessitarem de uma bicicleta com quadro articulado, existe uma versão com quadro convencional e rodas de maiores dimensões por 999 euros.

by Carlos Martins via Aberto até de Madrugada
Read more ...

Azure irá guardar dados de 22 mil câmaras da Polícia de Londres

A Polícia Metropolitana de Londres está empenhada numa melhor segurança dos cidadãos e dos próprios oficiais da policia e nesse sentido adquiriu 22 mil câmaras de corpo. As imagens captadas por essas câmaras são...

by Pedro Pinto via Pplware http://ift.tt/2h1DgfZ https://pplware.sapo.pt
Read more ...
Designed By Blogger Templates